• (14) 3662-2155

Caldo de Frango Caseiro

Caldo de Frango Caseiro

    

Embora um pouco demorada, essa receita é simples e traz resultados surpreendentes. O sabor desse caldo de frango não tem nada a ver com aquele que compramos em tabletes: é muito melhor!

Além disso, é infinitamente mais saudável, já que não tem quantidades absurdas de sódio nem outros produtos químicos. O cozimento lento da carne e dos ossos do frango transfere para o caldo o sabor “umami”, que, nos caldos industrializados, é obtido com o glutamato monossódico.

  • 1 coxa com sobrecoxa de frango
  • 1 cenoura média
  • 1 cabeça de alho média
  • 1 talo de alho poró
  • 1 folha de louro
  • 1 pitada de alecrim
  • 3 colheres de sopa de óleo ou azeite
  • Aproximadamente 3 litros de água
  • Pimenta do reino
  • Sal

Corte no sentido longitudinal (de comprido) o alho poró e a cenoura. A cabeça de alho, corte na horizontal. Ela será cozida assim mesmo, por isso tire o excesso de casca seca e raízes. Separe a coxa da sobrecoxa e corte em mais pedaços, se achar necessário.

Numa panela com tamanho suficiente, aqueça o óleo e refogue o frango até dourar por fora. Despeje a água até cobrir frango e adicione os outros ingredientes. O louro e o alecrim podem ser adicionados mais ao final do cozimento para que o caldo não perca tanto o aroma. O sal também pode ser adicionado um pouco mais tarde, se você não estiver seguro da quantidade necessária. Adicione aos poucos e vá experimentando. Não deixe-o muito salgado porque a água irá evaporar e o sal ficará concentrado.

Cozinhe em fogo bem baixo por cerca de duas horas. Se a água começar a secar muito rápido, complete-a para manter os ingredientes submersos, mas lembre-se de que, ao final do cozimento, ela deve ter reduzido a mais ou menos a metade do volume inicial.

Terminado o cozimento, coe o caldo e guarde em um recipiente tampado. Ele dura pelo menos uma semana na geladeira, mas também pode ser congelado em pequenos recipientes, na quantidade necessária para cada receita. O frango e os legumes podem ser comidos e ficam deliciosos!

 

Dicas do Milani

 

  • Se precisar sair, pode desligar o fogo e voltar a acendê-lo mais tarde, o importante nessa receita é o contato dos ingredientes com a água quente por muito tempo, para transferir seu sabor.
  • A pimenta do reino pode ser usada em grãos inteiros, já que vai cozinhar por muito tempo.
  • Sinta-se à vontade para inventar e modificar essa receita. Imagine outros legumes e temperos cujo sabor cairia muito bem. Também podem ser usadas outras partes do frango, desde que tenham ossos e cartilagens, ricas no sabor umami.
  • Prefira frangos de boa procedência, de preferência caipiras, cuja carne tem mais sabor e melhor aroma.