• (14) 3662-2155

Risoto de limão e pimenta rosa

Risoto de limão e pimenta rosa

Esse é um prato muito aromático, com sabor delicado. É perfeito para impressionar os convidados, mas é bastante simples de ser preparado.

Compre um bom vinho branco para fazer o risoto e aproveite ele para acompanhar a refeição, assim você aproveita tudo o que a receita tem a oferecer.

  • 2 copos de Arroz Milani
  • ½ cebola picada em cubos
  • 150g de nata ou um pouco mais de creme de leite fresco
  • 2 limões sicilianos
  • Caldo de legumes caseiro (receita aqui)
  • Vinho branco
  • Sal a gosto
  • Pimenta rosa

Com um ralador fino, tire a casca dos limões emraspas, evitando atingir a película branca da fruto. Reserve. Esprema os limões em uma panela, adicione aproximadamente 2 litros de água, o caldo de legumes, e leve ao fogo.

Com um fio de óleo ou azeite, refogue a cebola até dourar. Então, despeje cerca de ½ copo do vinho sobre a panela quente para desgrudar o que ficou no fundo da panela (essa técnica se chama deglacé – já falamos sobre ela na receita de strogonoff). Despeje o arroz e a água aquecida. Mexa um pouco e deixe a água começar a secar.

Essa é a técnica do risoto: mexer sempre para liberar o amido (o que nunca devemos fazer ao preparar o arroz do dia-a-dia). Fazendo isso e tomando cuidado para não cozinhar demais, mantendo o miolo do grão um pouco durinho (al dente), obtemos um resultado muito parecido com o do risoto com as variedades de arroz italianas.

Mantenha a panela em fogo alto, vá adicionando água aos poucos e mexendo. Experimente sempre os grãos para saber o ponto. Quando estiver chegando próximo ao ponto desejado, adicione a nata ou creme de leite e mexa bem. Depois, adicione as raspas de limão, reservando um pouquinho para decorar o prato. Continue mexendo.

Quando o arroz estiver no ponto desejado, retire e sirva nos pratos. Moa a pimenta rosa sobre o risoto e adicione algumas raspas de limão. Bom apetite!

Dica do Milani

Se não encontrar limão siciliano para comprar ou quiser adicionar um sabor mais nosso (nosso terroir) ao prato, pode substituí-lo por limão cravo, que também é mais aromático do que azedo.